sábado, 25 de outubro de 2014

Conquistas


Hoje os SuperGêmeos completam 6 meses de vida: que felicidade! Meio ano já se passou desde aquele maravilhoso 25 de abril, quem diria... O tempo voa - e com esses meninos superpoderosos, voa literalmente! Cada façanha maravilhosa que já conseguem... Mas, como diria o tio de um famoso super-herói dos Quadrinhos, "com grandes poderes vêm grandes responsabilidades" - e, assim, meus meninos incríveis já começam a perceber que, paralelamente às super-habilidades de se virar firmando o pescoço para cima ou de tudo pegar com suas ágeis mãozinhas, vêm também o despertar de um soninho gostoso no meio da noite porque a chupeta foi puxada pela própria mão num ato involuntário ou os bracinhos podem doer nalguma posição desconfortável em que se meteram, sem querer, durante o sono...

Sim, eles se sabotam - e como! Até a mais velha SuperFilha não escapa desta regra: se auto-sabota com inúmeras infantilidades relacionadas a ciúme ou a mera marra de ser contrariada pelo Papai aqui ou pela Mamãe, deixando de lado excelentes oportunidades de se desenvolver - sabia comer com as próprias mãos, "desaprendeu" para ter os pais à sua mercê na hora das refeições, e agora "reaprendeu" novamente - ou até mesmo de se divertir - aquele choro chato e fora de hora que acaba mais cedo com qualquer passeio! E haja paciência... São crianças, é claro, tudo isto faz parte do show, mas, no meio de uma hora comprometida com os três ao mesmo tempo, tendo todos entrado nalguma enrascada por causa dos próprios sabotamentos, é difícil conciliar e manter a lucidez...

Daí eu penso no quanto nós mesmos, depois de adultos, cometemos tantas bobagens por medo ou por ter parado de acreditar em nossas capacidades num dado momento que parecemos ainda mais infantilizados ou despreparados para o mundo que nos cerca do que os nossos próprios filhos! E assim chances profissionais, relacionamentos duradouros ou simples férias ou finais de semana vão por água abaixo pelo ralo porque deixamos o acaso tomar conta de algo que poderíamos ter sob controle nas mãos, com as rédeas em punho... Assim é a vida: passamos toda uma existência a pregar ensinamentos infalíveis do que não se deve fazer e, ainda assim, deixamos escapar coisas maravilhosas porque não soubemos ser pessoas melhores... Paciência!

E em tempos com tanto a mudar, antigos sujeitos, devidamente maquiados para parecerem perfeitos e em descompasso com os novos tempos, ressurgem com o de sempre a clamar por "mudança"... Sei, não: mude-se o que deve ser mudado e combatamos o bom combate ao sempre lutarmos por um mundo cada vez mais limpo, mas, ao invés disso, criar novas ilusões me parece recriar a ideia de que tudo está errado, soando, pra mim, uma mera auto-sabotagem, a alimentar uma mudança que nada muda, só atrasa... Assim, falando na pauta do dia, as eleições, prefiro seguir pela estrada que trouxe novos rumos para tanta gente, ciente de que não existe perfeição, mas ainda muitos caminhos a percorrer... O certo mesmo é que uma coisa não pode mudar: com os pés no chão e sem tirar os olhos do muito que ainda tem que ser feito, nosso povo, ainda tão criança num inicial projeto de nação em desenvolvimento, tem que continuar crescendo!

Pois conquista é coisa que deve ser mantida... E amanhã a mais velha, que também nasceu em ano de eleição - e justamente no ano em que uma brasileira subiu pela primeira vez a rampa do Palácio do Planalto -, falará para todos de sua alegria em já participar com a família do processo eleitoral (rezando para que jamais seja criticada pela onda sem-noção dos odiosos do outro lado...) e digitará por mim na urna eletrônica cheia de alegria infantil e de esperanças, junto ao pai e à mãe, por um Brasil melhor para todos, sabendo que a missão segue no ensinar nossos filhos a buscar sempre o caminho mais honesto, mas sem jamais sabotar a vontade de ver dias mais justos, solidários e com oportunidades... Ah, sim: os meus lindos bebezinhos costumam cair sempre para a esquerda em suas peripécias nos bercinhos, ré, ré, ré! Que Deus abençoe meus três novos cidadãos! Que Deus abençoe o Brasil!

Uma piscada e um sorriso numa bonitinha imagem de continuidade de esperança por dias melhores e mais justos...

Seguidores

 

Diários do Papai Copyright 2008 All Rights Reserved Baby Blog Designed by Ipiet | All Image Presented by Tadpole's Notez